Untitled

Projeto une pacientes com Alzheimer a gatinhos órfãos e o resultado é pura ternura!

O programa piloto feito entre os residentes do Catalina Springs Memory Care, localizado em Oro Valley (Arizona) e os gatinhos órfãos Turtle e Peaches, do Pima Animal Care, só vem para reforçar algo que vários estudos já comprovaram: o contato com animais pode ser terapêutico para vários grupos de pacientes.

Rebecca Hamilton, diretora de serviços de saúde do Catalina Springs, foi voluntária do abrigo Pima Animal Care durante algum tempo e sempre pensou em desenvolver algum projeto que pudesse unir sua paixão pelos animais a uma melhora na qualidade de vida dos pacientes da residência que administra. O programa foi um sucesso: os gatinhos foram amamentados pelos pacientes durante 10 dias a cada 3 horas, 24 horas por dia de atenção. Toda uma mobilização e cronogramas preparados para atender os bichanos na hora certa.

” O peso dos gatinhos quase dobrou desde que os residentes e equipe da residência de Oro Valley ajustaram seus relógios para amamentá-los”, escreveu o representante do Pima na página do abrigo no Facebook.

Pelas imagens, é difícil dizer quem está curtindo mais! O importante é que essa troca de amor e cuidados só pode ser positiva para ambos os lados. Que mais projetos como esse se multipliquem!

 

Fonte: Perfeito Guru

dolceviverehome

Other posts

Leave a Reply